LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

4 sinais de que está na hora de investir em uma loja virtual

Invista no seu próprio negócio

A jornalista por formação e empreendedora por vocação Thiara Ney, proprietária da papelaria virtual “Tuty – Arte&Mimos”, sempre teve habilidades manuais e gosto por decoração. Por conta do seu talento, ajudava nas decorações de festas familiares e de amigos. No entanto, nunca pensou em transformar o seu hobby em algo lucrativo.

Até que um dia, após fazer toda a decoração de um chá bar, foi incentivada por sua melhor amiga a abrir o seu próprio negócio. Com o apoio da mãe e do marido, ela resolveu apostar as suas fichas no seu talento e deu certo.

Sem pensar duas vezes, Thiara preferiu abrir logo uma loja virtual em vez de uma física por uma série de razões. Ela já havia tido uma experiência em um quiosque de shopping e não gostava dos altos custos e dos horários puxados. Com uma loja virtual, ela tem flexibilidade de horário e trabalha de casa.

Casos como o de Thiara se repetem. Não faltam exemplos de empreendedores que apostaram no comércio eletrônico como um passatempo e acabaram o transformando em ocupação principal.

Se você também tem um pequena ideia brotando ou faz algo muito legal que, com certeza, atrairia compradores, por que não investir em uma loja virtual?

Quer saber se esse é o momento de investir em um e-commerce? Então, confira quatro sinais de que você está pronto para embarcar nesse negócio:

Você quer ter sua própria empresa

Você cansou de trabalhar para os outros e está disposto a investir tempo e algum dinheiro em um negócio próprio. 

Além disso, você não vê problemas se precisar dedicar algumas horas do fim do dia ou das suas tardes de sábado e domingo para cuidar do projeto. Afinal, você já sabe que é preciso se empenhar para garantir o sucesso.

E Thiara confirma a tese: “com a loja virtual, eu encontro muito mais flexibilidade, posso trabalhar de onde quiser, na hora que for mais conveniente para mim. Mas é importante destacar que isso não significa trabalhar menos, é somente ter flexibilidade”.

Você sabe tudo sobre um mercado, inclusive as lacunas que ele têm

Você entende tudo de um determinado assunto, está sempre por dentro das novidades, conhece as principais lojas do ramo, acompanha blogs, notícias e redes sociais que tratam sobre o tema.

De tão imerso nesse “mundo”, você vive tendo ideias para lucrar com ele, mas não costuma levá-las muito a sério. É hora de colocar a mão na massa.

Você provavelmente tem as informações certas para identificar o que falta no mercado para agradar esse público-alvo.

E o consultor de e-commerce Téo Costa lembra que muitas pessoas preferem comprar determinados produtos de pequenas lojas do que de grandes varejistas“Quando o pequeno comerciante vende produtos de um mercado mais específico, o público se identifica mais e se sente muito mais confiante em comprar lá do que nas grandes lojas.”

⇒ Veja 8 exemplos de pessoas e empresas que conseguiram identificar bem as oportunidades e focaram na criatividade.

Vontade de sobra, verba curta

Para começar uma loja virtual você precisará investir. Mas o valor pode ser muito mais amigável quando comparado a iniciar um empreendimento no mundo físico.

“Antes de trabalhar somente com papelaria eu tive um quiosque no shopping, vendia bolsas e acessórios femininos, e quase enlouqueci. Os horários são muito puxados e os custos altíssimos”, conta Thiara.

Portanto, se você quer começar a empreender, mas não tem muita verba para investir, o comércio online pode ser uma solução.

Nesse momento inicial, você pode ser multitarefa e lidar com quase tudo sozinho, economizando o dinheiro da mão de obra. Mas, veja bem, para isso é preciso que você tenha um planejamento pessoal e profissional bem traçado que deve ser seguido à risca.

⇒ Leia também: 3 dicas valiosas de finanças para empresas que querem crescer.

Você não quer trocar o certo pelo duvidoso

Empreender sempre foi um desejo seu, mas você gostaria de começar a fazer isso sem precisar largar seu trabalho atual. Jogar tudo para o alto pode ser arriscado, você tem alguns compromissos financeiros que devem ser cumpridos mensalmente e precisa da segurança do salário mensal.

bannerebookprimeiraloja-1474486322849_600x150.png (600×150)

Apostar em uma loja virtual é o melhor caminho nesse caso, já que no começo você poderá conciliar as duas funções.

O segredo será administrar bem o seu tempo, definir prioridades e ter os fornecedores certos.

Costa sugere contar com um sócio que entre com a mão de obra, ou mesmo já um funcionário, no início dessa empreitada. “Não dá para responder os e-mails dos clientes depois que chega do trabalho já cansado. Sem contar que a acaba a vida social. Então, é preciso ter um profissional para responder e-mails, fazer o atendimento online, preparar as embalagens e encaminhar para os correios.”

Com essa mãozinha extra, a sua loja pode decolar sem a sua presença oito horas por dia.

E então, você apresenta algum desses sinais? Se sim, é melhor levá-los a sério, eles podem estar indicando o caminho do seu sucesso profissional!