LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

3 passos para tornar seus produtos mais amigáveis aos sites de busca

Quando você pensa em comprar um produto novo, seja um celular, um eletrodoméstico ou até uma roupa, qual a primeira ideia que lhe ocorre? Provavelmente, pesquisar na internet a respeito, certo? Seja para comparar preços, buscar mais informações sobre o item, ou ler comentários sobre a sua futura aquisição, a busca é o começo do processo de compras.

Ter o seu site entre os principais resultados nos buscadores pode ajudar a garantir a visita do cliente e abrir a porta para uma possível venda. Uma pesquisa realizada pela empresa de marketing Monetate mostrou que quando o assunto é conversão, os buscadores só ficam atrás do e-mail marketing, gerando cerca de 2,83% de vendas de lojas virtuais, enquanto os e-mails aparecem com 3,91%.

Embora ainda seja um segredo como funcionam exatamente os algoritmos dos sites de busca, sabemos que eles rastreiam uma média de 20 bilhões de sites por dia, na tentativa de fazer as melhores conexões entre o conteúdo e os resultados que são apresentados para o usuário.

Para garantir o seu lugar ao sol, os seus itens têm que estar amigáveis a estas varreduras. Veja algumas dicas para que seus produtos e esses robôs de buscas se tornem amigos inseparáveis:

Organize os produtos por categorias
Embora seja importante agradar os “robozinhos”, não podemos esquecer o principal foco: os consumidores.

Uma boa maneira de satisfazer os dois lados é apostando em uma navegação clara, baseada em categorias, que vão ajudar o consumidor a encontrar o que deseja e, ao mesmo tempo, ajudar os robôs a entender o que você vende.

Se o seu site oferece eletrônicos e computadores, por exemplos, divida-os em categorias como TV e vídeo; celulares e acessórios; videogames; notebooks e tablets; computadores e monitores, entre outras. Ofereça ainda em cada categoria textos que ajudem o consumidor a usar melhor esses produtos.

Se um produto se encaixar em mais de uma categoria, vale citá-lo em ambas. Porém nem pense em trapacear, pois a tecnologia que faz o rastreamento do site está preparada para encontrar qualquer tentativa de manipulação.

Dê descrições originais aos itens
Os buscadores não gostam de sites que copiam o conteúdo de outros. Se quer ganhar pontos nessa amizade, invista em descrições exclusivas, não caia na tentação de copiar de outros sites, e nem aquele texto que já vem do fabricante.

Sites que têm informações 100% copiadas podem ter suas páginas removidas de qualquer resultado. Fique de olho e invista em produções próprias.

Otimize as fotos dos produtos
Os robôs não leêm figura, mas há dois atributos no HTML que o ajudam nessa tarefa: o Title e o ALT. Por isso, eles são cruciais para você selar essa amizade.

Também é importante evitar dar nomes genéricos para as fotos antes de fazer o upload. Nada de “IMAGE011” ou “DSC010”. Utilize palavras-chave, sem acento ou caracteres especiais, para definir o nome da figura. Se você quiser colocar mais de uma palavra, prefira hífen do que underline (_). Por exemplo, se a foto é de uma taça de cristal, a nomeie como: taca-de-cristal.

ALT - funciona como um texto âncora que representa o conteúdo da imagem. Prefira frases curtas que tenham grande relação com a foto e deixe de lado preposições e artigos como “a”, “um”, “da”, “para”, invista em palavras-chave.

Para inserir o ALT nas imagens, você precisará abrir o editor HTML e adicionar a descrição. Alguns publicadores facilitam essa tarefa, oferecendo o campo na hora de criar a imagem. Seguindo o exemplo anterior, o ALT seria “taça de cristal”.

Title - é o complemento do ALT. Nele é possível usar quantas palavras desejar para descrever uma imagem. Porém, prefira ainda as frases curtas. Ainda usando o mesmo exemplo, o title da foto da taça poderia ser: “taça comprida de cristal com haste curta”.

O texto que você definir nessa etapa aparecerá quando o usuário passar o mouse em cima da imagem – por isso, fique atento!

 

Conte para gente quais suas técnicas para estreitar essa relação entre produtos e buscadores!