LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

Ajuste seu timing para se dar bem nas redes sociais

Saber a coisa certa a dizer em cada momento é uma arte – tanto na vida quanto nas redes sociais. Quem nunca fez aquele comentário infeliz para a pessoa errada, na pior hora possível?

Pois é. Se esse tipo de gafe pega mal no mundo off-line, imagine no mundo virtual, onde tudo fica registrado e documentado.

Marcas que fazem promoções de álbuns quando o artista acaba de morrer ou usam tragédias para promover seus serviços – “Sua casa foi destruída por um furacão? Compre nosso seguro e evite dores de cabeça no futuro!” –, o consumidor não perdoa.

Por outro lado, quem brinca com o tema do momento de maneira saudável e inteligente – como o Pinguim do Ponto Frio, que brinca com a novela; ou a Magazine Luiza, que aproveitou a onda da sua xará no Canadá – pode se dar muito bem.

Por isso, timing é tudo quando se trata de ter uma atuação mais eficaz nas redes – para o bem e para o mal. Quer algumas dicas práticas? Vamos lá: 

1 - Não seja (só) um oportunista

Se você quer participar das discussões, é necessário que tenha alguma regularidade nas redes sociais. Não dá para você entrar lá uma vez por mês e esperar que as pessoas se lembrem da sua marca e conversem com você. Não pega bem postar só para surfar nos temas do momento.

2 - Invista no que está em evidência

Dito isso, você pode e deve aproveitar os assuntos que estão em evidência para entrar na conversa – desde que eles tenham alguma relevância para o negócio. Se você vende jogos eletrônicos, por exemplo, a polêmica sobre o preço do PS4 no Brasil pode ser um tema interessante para trabalhar, pela via do humor ou da informação. 

Para seu conteúdo chegar aos interessados, use as hashtags que estão “trending”, ou seja, aquelas que estão mais quentes no momento. O mais importante aqui é fazer essas publicações na hora, nunca deixar para o dia seguinte.

3 - Mantenha o tom

Humor e entretenimento são os conteúdos que mais engajam nas redes sociais. Mas atenção: há marcas que simplesmente não combinam com isso. Por isso, não entre numa onda que não tem nada a ver com você. Verifique sempre se o que você está dizendo é, de fato, relevante e se faz sentido para o seu público.

4 - Não exagere no número de posts

Não há fórmula perfeita para chegar ao número ideal de posts que você deve fazer por dia – tudo vai depender do seu público. O importante é não bombardear a timeline dos seus seguidores, principalmente se você não tiver nada de interessante a oferecer.

No Facebook, o ideal é publicar pelo menos um comentário por dia (uma média de dois ou três é interessante). No Twitter, a média pode ser de três a cinco posts. A melhor estratégia é ir testando a receptividade dos seus fãs e monitorar o desempenho de cada conteúdo para entender o que funciona.

5 - Publique quando seu leitor estiver online

Parece óbvio, mas o intervalo pode variar muito, dependendo do perfil do seu negócio. Se o seu consumidor acessa mais as redes no período de trabalho, o horário ideal é um. Se ele interage mais com seu conteúdo à noite, de casa, a estratégia tem de ser diferente. As ferramentas de análise de dados das próprias redes trazem esses dados mastigados para você, é só consultá-las com regularidade (afinal, esses padrões podem mudar com o tempo). 

6 - Tente outra vez

Se você fez um post superbacana no seu blog. Tente um horário diferente para postar, escolha outra imagem e mude o texto, chamando a atenção para algo que não havia sido destacado antes. O mesmo vale para posts populares. Só não vale exagerar na dose, senão seus leitores vão se sentir enganados.

 

A melhor maneira de testar tudo isso é na prática. Por isso, arregace as mangas, ajuste seu timing e comece a postar!