LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

7 maneiras de se livrar dos hábitos que estão matando sua produtividade

Quantidade de horas passadas dentro do escritório não é sinônimo de quantidade de trabalho realizado. Difícil de entender? Você já teve a sensação, ou já ouviu alguém dizer, que trabalhou o dia todo, nem sequer almoçou, mas que está com a sensação de que não fez nada?

Provavelmente não é só uma sensação, é a realidade. Existem várias coisas que fazemos rotineiramente que matam nossa produtividade sem que percebamos.

Saiba quais são esses hábitos nefastos e como fugir deles para ter uma rotina mais produtiva

1 - Não seja refém do e-mail

Muito provavelmente, seu trabalho não é o de respondedor automático de e-mails. Portanto, não é uma boa ideia checar sua caixa de entrada a cada minuto ou manter o e-mail aberto o tempo todo.

Controle a ansiedade. Marque um período de tempo em que você checará suas mensagens. A cada 15 minutos, por exemplo. Concentrar-se demasiadamente em receber e responder às mensagens assim que eles aterrissam na sua caixa faz com que você deixe de fazer outras coisas importantes que também merecem sua atenção.

2 - Não seja excessivamente ambicioso com sua lista de tarefas

Ter uma lista de tarefas a ser realizadas durante o dia é uma maneira excelente de organizar o seu trabalho. Colocar um número excessivo de tarefas nessa lista, no entanto, é uma boa receita para pouca produtividade e frustração.

Seja realista ao decidir quantas tarefas realizará no dia. Estabeleça prazos para que cada uma delas seja cumprida e siga esses prazos à risca. Afinal, uma lista de tarefas com um número de atividades que você não consegue realizar não é uma lista de tarefas, e sim uma lista de desejos.

3 - Tenha processos e modelos para tarefas rotineiras

Se você tem missões que precisa cumprir todos os dias e sempre da mesma forma, crie processos para garantir que elas tomem a menor quantidade de tempo possível. Estabeleça modelos de e-mail que você tem de enviar todos os dias, por exemplo. Isso permitirá a você economizar tempo e se concentrar em tarefas mais complicadas do seu dia. 

4 - Não adie pequenas tarefas, execute-as

Fuja da armadilha de deixar para depois determinada atividade só porque ela vai exigir “só” cinco minutos do seu tempo

Empurrar essas pequenas tarefas com a barriga, com a desculpa de que elas são de rápida e fácil execução, é uma atitude que tem grande chance de deixar você com um monte de pequenas tarefas não cumpridas no fim do dia.

Se a tarefa demanda pouco do seu tempo, não a deixe para depois, deixe ela para trás. Execute-a, tire-a do caminho e parta para a próxima.

5 - Mantenha o foco, termine o que começou

Não deixe atividades inacabadas. Não assuma responsabilidades demais, isso vai sobrecarregar você e, muito provavelmente, jogá-lo numa situação em que vai começar uma nova tarefa sem sequer ter terminado a anterior.

Isso não é demonstração de polivalência ou comprometimento. É apenas uma receita infalível para chegar ao fim do dia com uma enorme quantidade de tarefas inacabadas.

Lembre-se: sua produtividade não é medida pela quantidade de coisas que começou a fazer, mas sim pela quantidade de tarefas que concluiu com sucesso no fim do dia.

6 - Saiba o que fazer

Ter conhecimento do que tem pela frente é essencial. Saiba o que vem depois, conheça o que terá de enfrentar mais adiante.

Enfrentar o desconhecido pode parecer divertido e aventureiro em muitos casos, mas certamente não é uma boa pedida para manter a produtividade em alta.

Não saber o que fazer ao concluir uma tarefa pode fazê-lo se perder em coisas circunstanciais que podem não ser o caminho para atingir suas metas e objetivos.

7 - Tenha um planejamento claro e objetivo

De onde viemos e para onde vamos? A segunda parte desta pergunta é essencial para manter sua produtividade elevada. Saiba aonde quer chegar e o que é necessário fazer para atingir o objetivo.

Sem planejamento, você corre o sério risco de acabar atolado em tarefas que aparecem pela frente, mas que não necessariamente são aquelas que você precisa executar para atingir suas metas.

Crie um plano de negócios com metas claras e objetivas. Mantenha um diário das atividades a ser executadas para chegar lá, estabeleça prazos para que elas sejam cumpridas e revise periodicamente seu plano e seu diário para readequá-los, quando for o caso.

 

Tem seus próprios truques para vencer a procrastinação e ser mais produtivo? Conte aqui para a gente.