LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

8 elementos que você pode avaliar em um teste de conversão

É fascinante como pequenas mudanças que você faz na sua página podem ter um impacto tão significativo nas suas vendas e no desempenho da sua loja virtual.

Uma aparentemente inofensiva mudança de cor, de formato de botão, de posicionamento de links e pronto. Suas vendas podem subir ou cair como em um passe de mágica.

Não à toa, existem maneiras de testar o que funciona melhor para cada site, para cada loja. Que disposição de links na barra de navegação aumenta as chances de vendas? Somente um teste de conversão pode dar essa resposta.

Montar o layout do seu site com base somente na intuição ou no que você acha “bonitinho” não é apenas loucura, mas também uma maneira bem pouco inteligente de cumprir o potencial do seu negócio.

São muitas as variáveis que você pode testar em seu site para chegar à fórmula que vai maximizar sua taxa de conversão, suas vendas e seus lucros. Abaixo, algumas delas que servem como um bom ponto de partida.

Mas lembre-se: quanto mais possibilidades, além dessas, você incluir, maiores as chances de refinar ainda mais sua loja, abrindo caminho para mais vendas e para o sucesso.

1. Página principal

A página principal da sua loja é “só” a primeira coisa que seus clientes enxergam ao entrar no seu site. Então é óbvio que você precisa deixá-la da forma mais atraente possível. 

O que deve merecer destaque na página principal? Quais produtos devem estar anunciados lá? Onde ficará a barra de navegação? São várias as perguntas que o teste de conversão deve responder para você.

E, lembre-se, cada caso é um caso. Não existe receita de bolo para montar uma boa página principal. Por isso, teste, teste e teste. Quando tiver feito isso, teste mais um pouco. Teste sempre.

2. Esquema de cores

Cores nunca são escolhidas ao acaso. Inúmeros estudos e pesquisas são realizados e muito dinheiro é investido quando uma empresa decide lançar uma marca e quer saber quais as melhores cores para representá-la.

Cada cor traz em si ideias e valores que conversam com o nosso subconsciente. Não por acaso, as classificamos como “vivas”, “fortes”, “quentes”, “frias” etc.

Teste a maior variedade possível de cores em diversos lugares do site. E lembre-se sempre de levar em conta a área de atuação da sua loja e seus objetivos. Outra dica importante: seja flexível, aceite mudar as cores da sua loja.

Lembre-se, também, que as cores têm significados muitas vezes variáveis, dependendo de onde se está. O McDonald’s, por exemplo, teve de mudar as cores de sua loja na região de Besiktas, em Istambul, onde a maioria das pessoas torce pelo time de mesmo nome. E por uma razão simples: as cores do Galatasaray, principal rival do Besiktas são, veja que coincidência, amarelo e vermelho.

O gigante do fast-food também aceitou incluir o verde em algumas de suas lojas na Europa para ficar com uma imagem mais ambientalmente amigável. Saiba a importância das cores e teste para chegar ao melhor esquema para sua loja.

3. Barra de navegação

Quais informações devem estar na sua barra de navegação? Ora, é simples, as que colaboram para aumentar a conversão de visitantes do site em clientes. Mas como saber isso? Testando, claro!

São várias as opções de links que você pode incluir, desde um “Quem somos” ou “Sobre nós” até seções de produtos, atalhos para ofertas, formas de contato etc.

Teste várias combinações e descubra qual funciona melhor para a sua loja.

4. Formas de pagamento

Não há dúvida de que uma boa loja online deve informar ao cliente quais as formas de pagamento aceitas. Mas qual é o melhor lugar do site para incluir esta informação?

Exibir os logos das operadoras logo de cara, para que, ao entrar no seu site, o cliente já saiba se você aceita o cartão que ele tem? Ou somente no momento de finalizar a compra, que é quando essa informação será realmente necessária? As alternativas devem ser avaliadas.

5. Meios de contato

Informar ao cliente os meios que ele tem para entrar em contato com você e sua loja não é só importante, mas também uma obrigação, desde a entrada em vigor das novas regras para o comércio eletrônico no Brasil.

O local do site onde você escolhe colocar essa informação pode ter um impacto significativo nas suas vendas, dependendo de quem é o seu público.

Os testes de conversão vão lhe mostrar a forma mais eficaz de exibir essa informação, mas, pelas novas regras do comércio eletrônico, as formas de contato devem estar visíveis e ser fáceis de achar.

6. Segurança

Confiança é uma palavra-chave no negócio de comércio eletrônico. O cliente precisa estar seguro de que seus dados não vão parar em mãos erradas e que isso não vai lhe trazer prejuízos nem problemas futuros.

É por isso que existe uma série de certificados que garantem que determinada loja virtual é segura. 

A questão é onde você vai colocar esses logos? Pode ser já de cara, na página principal, para o consumidor saber que está pisando em solo seguro. Pode ser por todo o site, em todas as páginas. Pode ser somente na hora de finalizar a compra.

7. Política de devolução

Toda boa loja online deve ter uma política de devolução, seja do produto, seja do dinheiro pago por ele. E, pelas novas regras do comércio eletrônico, o cliente tem sete dias para se arrepender da compra, e não precisa de nenhuma justificativa para isso.

Destacar sua política de devolução também é importante. Teste os vários locais onde você pode colocar essa informação.

8. Redes sociais

Redes sociais, como Facebook e Twitter, são formas importantes de divulgação da sua loja, da sua marca, das suas ofertas. Mas qual destaque os links para os perfis da sua loja, nas diferentes redes sociais, deve ter no seu site?

Qual o melhor lugar para divulgá-los de maneira a aumentar suas vendas e o alcance que você obtém nessas novas mídias?

 

A resposta, meu amigo, está nos testes de conversão. Por isso, não perca tempo. Comece já a testar!