LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

Novas funcionalidades no Google Now e Facebook podem movimentar o e-commerce

O mundo do comércio virtual não para de crescer, os projetos voltados para esse universo surgem a todo o momento.

E as últimas novidades vem de dois pesos-pesados da tecnologia: ninguém menos que Google e Facebook.

Fique por dentro dessas ferramentas que podem movimentar o comércio eletrônico mundial:

Google Now

A ferramenta Google Now não é novidade para os usuários de Android e, também, do sistema iOS. O programa funciona como um assistente pessoal trazendo informações importantes para a organização diária do usuário, de acordo com cada perfil. O aplicativo mostra, por exemplo, previsão do tempo, trânsito nas vias mais utilizadas pelo usuário, notícias e agenda cultural.

 Além disso tudo, há uma nova funcionalidade na ferramenta que pode ser mais uma possibilidade de aumentar suas vendas. Agora, o Google Now avisa aos consumidores quando um produto que ele tem interesse está disponível para venda em uma loja nas redondezas.

Para isso, ele usa os serviços de geolocalização, para identificar onde o usuário se encontra, e o histórico de pesquisas realizadas no Google, para mapear os objetos de desejo, ou melhor, de pesquisa, incluindo modelos e marcas.

Por exemplo, se o consumidor tiver procurado por um relógio da marca xis na cor branca, ele receberá um alerta ao passar perto de uma loja que ofereça exatamente esse produto.

Até aí nenhum ponto relevante para o comércio eletrônico. A vantagem, no entanto, é que junto com o alerta, o Google Now faz um comparativo de preços, mostrando ao internauta quais são as lojas (inclusive virtuais) com o melhor valor. Essa comparação inclui, também, formas de pagamento e facilidades, como frete grátis.

Para tirar melhor proveito, os produtos precisam estar com valores competitivos para que possam aparecer nessa referência, tornando-se uma possibilidade de compra para o cliente e mais uma vitrine para a marca.

Atualmente a ferramenta está disponível para todos os smartphones e tablets Android na versão 4.1 Jelly Bean ou superior.

Facebook Commerce

Vender por meio do Facebook é um desejo antigo das empresas, tanto que existem diversos aplicativos externos voltados a esse fim.

Mas a empresa decidiu investir em sua própria ferramenta para viabilizar transações comerciais dentro da rede. Recentemente, a companhia anunciou que o botão “comprar” começou a ser testado por pequenas empresas dos Estados Unidos.

A ferramenta funciona da seguinte forma: quando o usuário recebe em seu feed de notícias anúncios patrocinados, uma das opções encontradas será esse botão específico para compra online. Ele permitirá que o usuário adquira o produto sem deixar a rede social.

Após clicar no botão, que terá a mesma lógica do botão curtir, o internauta continuará dentro da rede social, mas será remetido a uma página onde poderá inserir dados para efetuar a compra.

O Facebook diz que o projeto foi desenvolvido com “privacidade em mente”, ou seja, nenhuma informação de cartão de crédito ou débito será compartilhada com qualquer outro anunciante, e também será possível selecionar o salvamento, ou não, das informações de pagamento para futuras compras.

Entretanto, ainda não há motivos para os brasileiros se empolgarem. Ainda não foi divulgada a previsão para que a funcionalidade chegue por aqui. Vamos torcer para que seja em breve!