LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

6 coisas que seu vídeo de produto precisa ter para chamar a atenção

Um vídeo de produto pode não ser nenhuma produção digna de Oscar, mas desempenha um papel fundamental no aumento das conversões de uma loja virtual.

Na Zappos, loja virtual de roupas, sapatos e acessórios, produtos que têm vídeo de demonstração chegam a vender 30% mais que os outros.

Além de funcionar como um “vendedor”, incentivando o consumidor a realizar a compra, os vídeos são uma boa maneira de ganhar visibilidade nos mecanismos de buscas e nas mídias sociais.

Mas para corresponder às expectativas do consumidor e atingir o objetivo final – converter mais −, assim como uma produção hollywoodiana, seus vídeos precisam ser bem filmados, ter um bom enredo e cativar o espectador.

Quer saber o que o cliente espera de um bom vídeo de produto? A gente conta para você:

Luzes, câmera, ação!

A primeira coisa que o cliente espera encontrar em um vídeo é a demonstração prática do produto. Como montar, como funciona, em que situações ou ambientes deve ser utilizado etc. Ou seja, mostre o produto em ação.

Pense na telinha

Aos poucos, o m-commerce tem conquistado seu espaço no mercado. Uma pesquisa realizada pela produtora de vídeos americana Invodo aponta que 43% dos entrevistados assistem a vídeos de produtos em smartphones e 35% em tablets. Por isso, é importante produzir vídeos que não sejam pesados demais e compatíveis com telas menores, para que o cliente possa visualizá-los no celular.

Tem de ser jogo rápido!

A menos que seu vídeo conte com a participação do Brad Pitt ou de belas mulheres de biquíni, ele dificilmente prenderá a atenção do público por muito tempo. Brincadeiras à parte, o tempo ideal para esse tipo de produção é 60 segundos. Ultrapassar o limite fará o cliente parar de vê-lo antes de chegar ao fim.

Transmissão de confiança

Quando o cliente clica em um vídeo, ele espera encontrar ali aquele “empurrãozinho” que falta para a finalização da compra. Por isso é importante que ele passe credibilidade ao cliente e acabe com suas dúvidas. Uma pesquisa feita pelo E-Tailing Group mostra que 51% dos compradores se sentem mais confiantes em realizar compras online após visualizar vídeos relacionados ao produto.

Atenção às legendas

O uso de legendas tem um efeito surpreendente sobre taxas de cliques e conversões. Comparações entre vídeos com e sem legendas mostram que a presença de texto melhora as conversões em aproximadamente 8%.

Call to action

Capriche na chamada para fazer o cliente apertar o “play”. Outra pesquisa divulgada pela Invodo mostra que vídeos com call to actions, como “Clique para Rodar,” “Clique para Ver” ou “Aprenda Mais”, possuem taxa média de visualização de 6,16%. Os que não possuem chamadas ativas apresentam taxa de 0,5%.

As dicas acima não farão seu vídeo de produto ganhar a estatueta da Academia, mas, com certeza, ajudarão sua loja a vender mais. E não se esqueça de nós no discurso de agradecimento!