LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

7 dicas para conquistar o público jovem para sua loja virtual

Faça sua loja a "queridinha" desse público

Acostumados a navegar pela internet desde que “nasceram”, os jovens representam um público cada vez mais importante para o e-commerce.

De acordo com pesquisa da consultoria de investimentos Piper Jaffray, 79% das meninas e 76% dos meninos adolescentes já fizeram, ao menos, uma compra online − com autorização dos pais, é claro. E mais: 70% deles já têm uma loja preferida para determinados produtos.

Eles são entusiastas e fiéis. Uma vez eleita como favorita por um adolescente, sua loja dificilmente perderá o título.

Neste texto você vai descobrir sete dicas infalíveis para deixar seu e-commerce com a cara desse público, tornando-se, assim, a loja virtual preferida deles. Acompanhe.

1. Conheça o universo jovem

Você conhece a trilogia Divergente? Sabe quem está no pódio da lista da Billboard? Se a resposta for não, melhor começar a se informar. Para conquistar e engajar a fatia jovem do mercado online, esteja a par de tudo o que faz sucesso nesse universo.

Essas informações podem ajudá-lo na curadoria de produtos, no desenvolvimento de conteúdo – principalmente para redes sociais – e até mesmo na tematização de anúncios e promoções.

2. Invista na linguagem informal

É só dar uma passeada pelas principais publicações voltadas ao jovem para constatar: todas se valem da linguagem informal. Isso porque esta é mais uma maneira de se aproximar do público e mostrar que vocês estão na mesma “vibe”.

Veja, por exemplo, a loja de roupas Emme. Ela apresenta seus produtos com expressões casuais, como “we love”, “se joga”, e hashtags como #luv. Além disso, a loja faz seleções dos seus produtos, categorizando-os como “para se jogar na pista” e “nossos queridinhos do coração”.

3. Invista em um atendimento “conectado”

A ideia de oferecer atendimento só por e-mail ou telefone pode parecer um pouco “ultrapassada” para eles. Para conquistar os jovens que estão sempre conectados, invista em canais como as redes sociais e WhatsApp.

Uma pesquisa do Ibope Media e da empresa Conecta descobriu que 59% dos jovens permanecem continuamente conectados ao aplicativo WhatsApp; no Facebook esse número é de 47%. Então aproveite esses meios para se comunicar com seus consumidores.

4. Importe-se com a qualidade do seu site

Jakob Nielsen, especialista em usabilidade e experiência do usuário na web, destaca no artigo “Teenage Usability: Designing Teen-Targeted Websites” algumas características importantes de se pensar na hora de criar um site para um público jovem. Entre elas estão:

  • Usar cores vibrantes

  • Meios de comunicação integrados com vídeos e músicas

  • Jogos interativos

  • Links para as redes sociais.

Quer um exemplo? Dê uma olhada nesse site da Spencer’s, uma loja americana que vende roupas para jovens. Seu logo é cheio de atitude, as cores são marcantes, as fotos bem produzidas, a linguagem é descolada e há integração com as redes sociais. Uma ótima fórmula de conquistar seu público.

5. Otimize seu site para o público mobile

Já falamos por aqui, diversas vezes, da importância de investir no mobile. Quando o assunto é público jovem, essa preocupação deve ser ainda mais latente, já que eles estão acostumados a usar seus celulares para tudo.

Um levantamento feito pela Telefónica aponta que 78% dos jovens brasileiros usam um smartphone e 42% são adeptos do tablet. Portanto, investir no design responsivo é prioridade para quem lida com esse público.

O estudo Jovem Mobile.br, realizado pela Mobi.life / E.life Group, a pedido da Pagtel, descobriu que 38% dos jovens desistem de comprar pela internet por problemas de usabilidade, conexão lenta e cadastros demorados. Então, trabalhe também esses pontos e ofereça uma ótima experiência de compra por meio de dispositivos móveis.

6. Facilite o pagamento

Vale lembrar que nessa faixa etária o salário pode ser baixo e, em alguns casos, ele ainda nem existe. Por isso, facilitar o pagamento de seus pedidos pode ser uma boa forma de atrair os compradores mais novos.

Além de oferecer mais opções do que cartão de crédito, como boleto bancário e depósito em conta, procure oferecer a possibilidade de parcelar as compras sem juros.

Além disso, se o seu orçamento permitir, que tal pensar em frete gratuito? Nem que seja para aqueles clientes mais fiéis que sempre estão em contato com sua marca.

7. Peça feedback e ofereça compartilhamento

Aposte na interatividade. Mas não limite essa troca apenas às redes sociais. Em seu site, por exemplo, você pode autorizar comentários e lançar enquetes.

A pesquisa do Ibope descobriu que pedir feedback ajuda a engajar os jovens e ainda gera uma imagem positiva da sua marca. Entre os entrevistados, 47% disseram se sentir mais próximos de empresas que os envolvem pedindo avaliação sobre seus produtos ou serviços.

Ainda 53% afirmaram falar sobre marcas e produtos com os amigos e familiares, por isso, considere oferecer um canal ou maneira de os jovens compartilharem experiências ou mesmo itens com seus conhecidos. Isso vai ajudar a influenciá-los a comprar com você e ainda trazer seus colegas como novos usuários para a sua loja.

Além dessas dicas, não custa lembrar que, independentemente do seu público, oferecer um atendimento de qualidade e cumprir prazos de entrega são requisitos essenciais para o sucesso!