LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

Preparando-se para empreender? 6 coisas que você precisa saber antes

Confira como se preparar antes de abrir seu primeiro negócio

Ter o próprio negócio é uma boa escolha por vários motivos. Para começar, você ganha mais flexibilidade e autonomia para tomar suas próprias decisões, gerencia o negócio do jeito que entende ser melhor e ainda pode, muitas vezes, conciliar a vida profissional com a pessoal mais facilmente. E esses são alguns benefícios que atraem as pessoas e impulsionam o crescimento do empreendedorismo no país.

Mas isso não quer dizer que tudo são flores na vida do empreendedor brasileiro. Existem diversos transtornos, desafios e informações importantes que quem quer abrir um negócio precisa conhecer antes de se aventurar no mundo do empreendedorismo.

Se você também está planejando abrir uma empresa e se tornar o próprio chefe, veja aqui tudo o que precisa saber antes de ingressar na vida de empreendedor.

>> Leia também 10 passos para abrir sua loja virtual sem ter que jogar seu emprego para o alto

Você não vai ter um chefe, vai ter vários

Muita gente busca o empreendedorismo como uma forma de ser o próprio chefe. De certa forma, isso é verdade, afinal, estando no topo da empresa, você não tem que prestar contas a nenhum superior. Mas isso não quer dizer que não deva satisfações a ninguém, pelo contrário.

Mesmo não tendo um chefe, a cobrança virá por parte de outras pessoas: seus clientes. E considerando que cada um deles tem sua própria personalidade, você pode ter que lidar com pessoas mais incisivas, calmas, apressadas, desconfiadas e de todos os tipos.

As pessoas vão continuar te falando sobre vagas de emprego

Pode ser que muitas pessoas próximas a você não entendam bem o que você faz e achem que você está apenas se aventurando em algo enquanto está desempregado, por exemplo.

Então, não fique chateado se, mesmo lutando para liderar seu próprio negócio, amigos e família ainda te perguntem quando você vai arrumar um emprego “de verdade” ou te falarem de vagas e concursos.

Pode levar um tempo para que todo mundo entenda que você não pretende mais ser funcionário de alguém, então tente não levar esse tipo de comentário pelo lado negativo.

Todas as glórias e os fracassos são por sua conta

Quando você se torna empreendedor não é só sua flexibilidade e liberdade que aumentam. A responsabilidade, automaticamente, também cresce muito e você se torna o único responsável por tudo o que acontece dentro da sua empresa, seja algo bom ou ruim.

O mais importante, aqui, é buscar sempre aprender com os fracassos, percebendo em que momento houve o erro e como isso pode ser evitado de uma próxima vez.

Lembre-se sempre que a maioria das empresas de sucesso cometeu alguns tropeços no início de suas trajetórias, e o que fez com que elas sobrevivessem e prosperassem foi a habilidade de evoluir e aprender.

>> Vai empreender? Antes leia este artigo e descubra se Você está pronto para largar seu emprego e empreender

O trabalho vai aumentar, não diminuir

Está pensando em empreender para trabalhar menos? Bom, não temos uma boa notícia para você. Na maioria das vezes, quem empreende passa a trabalhar mais, não menos.

Isso porque, principalmente no começo do negócio, você se torna responsável por praticamente todas as áreas da empresa. Muitos empreendedores têm de cuidar da parte operacional, das finanças, do marketing, da logística e de mais um monte de tarefas até que consigam contratar uma equipe para ajudá-los.

E quando chega a hora de contratar, os empreendedores são responsáveis pelo processo de seleção, precisam entender todas as implicações tributárias que ter um funcionário ocasiona, devem preparar o treinamento, monitorar o desempenho do profissional... Enfim, o trabalho dificilmente será menor do que você faz hoje, sendo funcionário. 

Você vai gostar mais ainda de trabalhar, mas precisa ter cuidado

Mesmo trabalhando mais, adquirindo várias tarefas que não têm, necessariamente, algo a ver com o seu ramo de atuação, e trabalhando mais do que estava acostumado, você ainda vai gostar muito de empreender!

Isso porque você vai estar trabalhando para transformar a SUA ideia de negócio em uma empresa de sucesso, e isso faz toda a diferença. É como diz aquela máxima “trabalhe com o que você ama e não precisará trabalhar mais nenhum dia”.

Mas, apesar de sentir prazer trabalhando com o que você ama e estar desenvolvendo o seu negócio, é preciso que você tome certo cuidado para não suprimir as outras áreas da sua vida.

Mesmo que você acabe perdendo alguns fins de semana com o trabalho, não deixe, também, de dar atenção para a sua vida pessoal, afinal de contas, você agora é um empreendedor, mas não deixou de ser uma pessoa.

É importantíssimo que os outros aspectos da sua vida estejam bem para que o âmbito profissional também esteja.

Sua equipe vai se espelhar em você

Quando tiver pessoas trabalhando com você, saiba que todos estarão se espelhando no que você faz.

Não fique achando que seus funcionários não veem que você tira dinheiro do caixa para pagar suas contas pessoais ou que não respeita o horário de trabalho. Eles percebem e vão se espelhar no seu comportamento, afinal, você agora é o líder.

Por isso, evite ter comportamentos que você não gostaria que sua equipe tivesse e haja, desde o começo, como se fosse chefe da grande empresa que você quer criar.