LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

9 passos para tirar sua ideia do papel e empreender em 2018

Confira tudo o que você deve fazer para criar seu próprio negócio ainda este ano

Então 2017 passou e você ficou o ano todo com aquela ideia de negócio genial, mas parece que faltou aquele empurrãozinho para que você tirasse o conceito do papel e o transformasse em um empreendimento de verdade, não é?

Essa situação é bastante comum, e se você não aproveitar o começo do ano para fazer um bom planejamento, ela vai se repetir no fim de 2018 também!

Para que isso não aconteça, preparamos algumas dicas para que você transforme essa ideia em um negócio de sucesso neste ano. Confira!

>> Procurando por uma ideia? O colunista Bruno Perin te ensina como buscar sua ideia e empreender

Comece a pesquisar

Sua ideia pode parecer genial em um primeiro momento, mas será que ninguém teve ela antes? Será que o conceito que tem em mente é perene ou pode ficar obsoleto daqui a alguns anos? Quem seriam seus concorrentes diretos e indiretos nesse mercado? E os clientes, quem, quando e por que comprariam com você? Qual seria o seu diferencial?

Todas essas questões envolvem muita reflexão e pesquisa, e agora, no início do planejamento, é o momento ideal para isso. Aqui, não tenha medo de mudar alguns pontos da sua ideia, afinal, é a hora de trazer a teoria para a prática!

Formule seus produtos ou serviços

A partir da sua ideia, provavelmente, será necessário lapidar os produtos e serviços que vai comercializar.

Comece a pensar em quão largo seria o seu portfólio, quais seriam as principais características, insumos e mão de obra empregada, custos e embalagem. Depois, faça uma estimativa do preço para descobrir se ele estará de acordo com o público que você pretende prospectar. 

Defina uma linha operacional

Se você vai começar a vender pela internet precisa pensar: como os produtos que vou vender chegarão até mim? Vou produzi-los ou comprá-los prontos? Como vou receber os pedidos? Onde e quem fará o processamento deles? Quem emitirá nota fiscal? Como vai ser a separação no estoque?

Todo o passo a passo da sua linha operacional precisa ser definido cuidadosamente e de forma detalhada. É preciso planejar quem será responsável por cada processo e como cada etapa deve acontecer, para otimizar ao máximo a sua operação no dia a dia.

>> Aqui tem mais 3 atitudes que você pode tomar depois de ter uma ideia de negócio

Calcule os custos

Não são só os produtos e serviços que terão um custo para chegar até o consumidor. Será preciso contabilizar os valores da estrutura necessária, folha de pagamento, impostos, alugueis, logística e outros vários elementos que são necessários para o funcionamento da empresa.

Monte um plano de negócios

Essa é uma das ferramentas mais importantes para quem está começando a empreender.

O plano de negócios é uma estrutura que organiza todos os elementos e ideias que você já levantou até aqui: mercado, concorrência, produtos, estratégias, valor de investimento, tudo!

>> Baixe grátis um modelo de plano de negócios com todas as instruções para preenchê-lo!

Repense, se necessário

O seu plano de negócios mostrou que algo precisa ser reavaliado? Não tem problema, essa é a sua chance de repensar a sua empresa enquanto ela ainda não está de portas abertas.

Veja o que precisa mudar e como vai fazer isso e faça um novo planejamento para corrigir tudo o que parece que pode não dar certo.

Busque capacitação

Se você ainda não se sente 100% seguro para cuidar da rotina de uma empresa ou precisa de mais conhecimento sobre o seu novo mercado, não tem problema, mas é preciso buscar capacitação o quanto antes.

Busque um curso de empreendedorismo ou formação na área na qual você deseja empreender e se dedique!

Também existe muito conteúdo de qualidade por aí para aprender um pouco sobre áreas com as quais você, provavelmente, terá de ter algum contato, como finanças, marketing e logística, por exemplo.

Formalize sua empresa

Com tudo estruturado e a certeza de que o negócio vai mesmo acontecer, é hora de formalizar sua empresa. Esse processo pode ser dividido em várias etapas e é preciso dar uma boa atenção a cada uma delas.

Primeiro, é essencial que você encontre o melhor regime tributário para enquadrar o empreendimento, e pode ser que precise da ajuda de um contador ou advogado para te ajudar com isso.

Também é interessante registrar a sua marca no Inpi e nos órgãos responsáveis para evitar que alguém use o nome do seu negócio por aí. E na área digital, também pode ser o momento de registrar o domínio do seu site garantir o direito de usar o nome da sua empresa na internet.

>> Faça o download gratuito deste e-book que mostra todos os passos para conseguir seu CNPJ

Planeje a abertura

Vai inaugurar? Que tal preparar um evento de abertura bacana para seus clientes? Pode ser um coquetel, no caso de uma empresa física, ou mesmo alguma promoção ou condição especial, se estiver começando um negócio digital!

Será uma boa oportunidade de chamar a atenção para a sua empresa e causar uma boa primeira impressão!

Escolha a melhor maneira de começar a sua operação, busque formas (online e off-line) de divulgá-la para o seu público e boas vendas!