LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

MySQL x SQL Server x MongoDB x PostgreSQL: qual banco de dados escolher?

Descubra qual SGBD se adapta melhor ao seu projeto

É difícil imaginar que, há mais de 50 anos, as empresas ainda não conheciam um Sistema Gerenciador de Banco de Dados (SGBD) e costumavam guardar informações relevantes de clientes em agendas e arquivos. Pois esse era o cenário real. Até que, na década 1970, começaram a surgir os primeiros SGBDs, garantindo mais consistência, segurança e acessibilidade aos dados.

É bem verdade que pequenas empresas ainda usam o Excel ou Access para armazenar dados, mas, convenhamos, já não faz muito sentido com tantos SGBDs disponíveis no mercado.

Antes de entrarmos em detalhes sobre os SGBDs disponíveis, é fundamental entender a diferença que há entre as duas linguagens, SQL e NoSQL. A primeira estrutura os dados em forma de tabela. Trata-se, portanto, de um modelo relacional. Por sua vez, a linguagem NoSQL usa um modelo não relacional, no qual os dados são distribuídos de forma horizontal.

Depois dessa rápida introdução, está na hora de avaliarmos quatro tipos de SGBD:

MySQL

MySQL é um sistema de gerenciamento de banco de dados relacional de código aberto, ou seja, é executado como um servidor e permite que vários usuários gerenciem e criem inúmeros bancos de dados. WordPress, por exemplo, requer MySQL para armazenar e recuperar todos os seus dados, incluindo conteúdo de posts, perfis de usuário e por aí vai. A maioria dos provedores de hospedagem já tem o MySQL instalado em seus servidores web, uma vez que é amplamente utilizado em muitas aplicações web de código aberto.

Faz sentido, portanto, usar o MySQL em projetos para web, como sites de e-commerce.

SQL Server

Criado em 1988, o SQL Server é o sistema de gerenciamento de banco de dados da Microsoft e, sendo assim, ele só roda em sistemas operacionais Windows. Este programa é bastante usado em sites que precisam de cadastros e em sistemas de lojas, onde são lançados produtos, preços, marcas, entre outras informações. Vivo, Itaú e Amil são algumas das grandes empresas que utilizam SQL Server. É recomendado, também, para criar um banco de dados em sistemas estruturados fora da web.

MongoDB

O MongoDB, criado em 2007, é um sistema de gerenciamento de banco de dados mais complexo, que usa a linguagem MongoDB. Por ser muito robusto, a curva de aprendizagem é muito grande.

Quanto aos projetos, o MongoDB é mais compatível com sites que recebem uma grande quantidade de acessos e que precisam de respostas rápidas, uma vez que ele não fica preso à modelagem e oferece escalabilidade. MTV, EasyTaxi, Foursquare e Bit.ly são alguns dos principais utilizadores desse banco de dados.

PostgreSQL

O PostgreSQL, ou Postgre, é um sistema de banco de dados extremamente robusto, capaz de suportar um grande volume de dados. Além disso, ele tem baixo custo de manutenção e alta estabilidade. Para se ter uma ideia, Apple, Nasa, Skype, Metrô-SP, entre outros, utilizam o PostgreSQL como SGBD.

Com suas características, todos os SGBDs apresentados ajudam a organizar e a manipular as informações das empresas. Agora, avalie bem seu projetos e conhecimento técnico para decidir qual SGBD implementar.