LOGO UOL HOST

Receba por e-mail as novidades e publicações da Academia UOL HOST

Série Retrospectiva 2014: 8 ações de marketing digital que marcaram 2014

A série retrospectiva 2014 vai relembrar os fatos marcantes do ano para o comércio eletrônico e para o mundo digital. Nos textos, você irá acompanhar desde as ações mais bacanas de marketing que rolou em 2014, até as gafes cometidas por empresas nas redes sociais. Vamos relembrar, também, temas importantes para o mercado eletrônico, que foram pauta por aqui durante o ano. Esse é o segundo texto de uma série de 5. Leia também o primeiro:

Série Retrospectiva 2014 (Parte 1): O que rolou de melhor (e pior) no mundo digital em 2014

Twitter, Facebook e até os “novatos” Vine e WhatsApp foram palcos para ações de marketing inovadoras e impactantes de empresas de diferentes segmentos durante 2014.

Algumas envolveram bastante dinheiro e agências grandes assinando o projeto, outras foram feitas com poucos recursos e muita criatividade.

Veja, abaixo, oito destaques e se inspire. Quem sabe no ano que vem a sua marca não aparece nessa lista?

1 – Trident cria plataforma que permite tuitar com 560 caracteres

Uma das queixas dos usuários do microblog é justamente a sua característica mais marcante: os 140 caracteres. A limitação de palavras faz com que algumas pessoas optem por outras plataformas na hora de escrever mensagens mais longas.

Para contornar esse problema, a marca de goma de mascar criou a plataforma “dura muito mais”. Por meio dela, o tuiteiro pode enviar seus tuítes com até 560 caracteres. Junto com a plataforma, a empresa engatou a hashtag #duramuitomais, que além de representar o tuíte mais longo, remete ao sabor que dura por mais tempo.

2 - Halls convida donos de comunidades do Orkut para última homenagem

Na época em que poucas empresas utilizavam as redes sociais como ferramenta de marketing, ele reinava absoluto no Brasil: o Orkut. Depois de um longo período de queda de audiência, em setembro o Google anunciou o fim da rede social. O fato comoveu os internautas e, aproveitando o momento, a Halls convidou criadores de comunidades famosas para um vídeo de despedida.

Chamado de o “Último Respiro”, além de trazer Maurício Cid (criador do blog Não Salvo) relembrando algumas funcionalidades da rede, como scraps e testemunhos, o vídeo convidou esses criadores de comunidades a enfrentarem um desafio relacionado à sua comunidade.

A ação ganhou destaque nos principais sites e revistas do segmento e fez muita gente soltar suspiros saudosos relembrando a época do Orkut.

3 – Prefeitura de Curitiba: a “brincalhona”

A página do Facebook da prefeitura de Curitiba ganhou destaque por, diferentemente da maioria dos órgãos oficiais, entrar na “brincadeira” das redes e usar humor e memes para falar sobre projetos e ações realizadas na cidade.

Um exemplo de post popular, e que reflete bem a linguagem e o objetivo da página, é um que traz os personagens do desenho  “Hora de Aventura” fazendo piada com o céu nublado da cidade (o que é comum). Ao mesmo tempo, a publicação lembra do perigo em ficar em lugares descobertos em dias de prováveis raios e trovoadas.

4 – Fã de Netshoes cria comercial para a final da Copa do Mundo

Em sua página do Facebook, a loja virtual de artigos esportivos Netshoes promoveu um concurso cultural que escolheu o roteiro de um fã da loja para virar comercial e ser veiculado durante o intervalo da grande final da Copa do Mundo.

A ação movimentou a página da empresa, trazendo mais interações e aumento do número de fãs.

5 – Kit Kat e Oreo "duelam" por consumidor no Twitter

Diálogos entre marcas no Twitter não são uma grande novidade, mas "briga" entre perfis não é algo tão comum. Por isso, quando as marcas Kit Kat e Oreo resolveram travar uma batalha, literalmente, por um fã, chamaram a atenção do público.

Tudo começou quando uma usuária tuitou dizendo ser fã das duas marcas. A partir dessa brecha, a Kit Kat lançou um desafio, em forma de jogo da velha, ao concorrente, valendo a preferência da consumidora, o “x” era formado por duas barras de Kit Kat.

A disputa ficou mais ainda mais interessante quando a Oreo, em vez de lançar uma foto com sua jogada, postou o “x” pela metade, dando a ideia de que uma barra tinha sido comida e colocou a seguinte frase: "Desculpe Kit Kat, não conseguimos resistir!”

6 – Hellman’s e Liquigás enviam receitas por WhatsApp

Quem achou que ia demorar para o aplicativo de troca de mensagens entrar na lista de estratégias de marketing das empresas, se enganou. A marca famosa pela sua maionese e, também, a distribuidora de gás da Petrobrás lançaram, nesse ano, campanhas nas quais enviava aos seus clientes receitas por meio do WhatsApp.

 

7 – Comercial da HP feito com aplicativo Vine

Já falamos desse aplicativo por aqui, o Vine, que permite postar micro videos no Twitter. Embora no Brasil as estratégias de marketing envolvendo essa ferramenta ainda estejam bem tímidas, lá fora, tivemos um bom exemplo de utilização do Vine.

A HP criou um comercial para TV juntando diversos vídeos produzidos pelo Vine, os quais pareciam estar interligados. Bem bacana. O anúncio foi veiculado na TV americana.

8 – Hellman’s imprime selfies em hambúrgueres

Mais uma da Hellman’s, só que dessa vez não foi no Brasil, e sim em Londres. A marca aproveitou a onda que tomou conta dos internautas em 2014: as selfies para promover uma ação curiosa.

Ao comprar um hambúrguer, o cliente tirava uma selfie e a surpresa vinha quando recebiam a sua foto impressa em 3D com maionese em seu lanche. Embora boa parte da ação ocorra no offline, ela não teria viralizado sem o digital, portanto, ela merece ser apresentada aqui em nossa lista.

 

Fala a verdade: recordar é viver, mesmo! Então, para continuar nessa onda gostosa de lembranças, leia os outros textos da série:

Série Retrospectiva 2014 (Parte 3): 10 fatos de 2014 que as marcas aproveitaram para movimentar as redes sociais

Série Retrospectiva 2014 (Parte 4): 6 gafes que movimentaram a internet em 2014

Série Retrospectiva 2014 (Parte 5): 5 fatos que movimentaram o e-commerce em 2014